A Câmara Municipal de Manaus (CMM) deliberou na manhã de segunda-feira (13) dois projetos de autoria do vereador Reizo Castelo Branco (PTB). Com o projeto de lei nº 314, o parlamentar pretende criar na cidade a Caminhada “Manaus Limpa”. Já com o de nº 315 o objetivo é obrigar os estabelecimentos de educação básica e média da rede particular, no âmbito do município de Manaus, a devolverem o material didático-escolar não utilizados pelos alunos.

Justificando a propositura que quer estabelecer a Caminhada “Manaus Limpa”, o vereador Reizo explica que os cidadãos têm uma visão primária de que o Governo é o responsável absoluto pelo lixo e sua destinação. “Entretanto, todos, a nosso ver, devem se responsabilizar e ter consciência de que o lixo precisa ter um desígnio correto”, afirma.

O parlamentar defende, ainda, que o caminho para combater o despejo de lixo nas ruas e igarapés é a educação ambiental, e torna-se mais fácil por meio de mobilizações, pois, dessa maneira, a população estará mais consciente.

Em relação ao projeto de lei nº 315, Reizo Castelo Branco destaca que a devolução do material didático-escolar contribuirá para o equilíbrio das despesas anuais das famílias manauaras. “A lista de material que as escolas repassam para os pais é extensa e muitos desses materiais não são totalmente usados, podendo ser utilizados em outro momento, evitando, assim, outros gastos com material escolar”, disse. 

Texto: Assessoria do vereador Reizo Castelo Branco

Foto: Assessoria do vereador Reizo Castelo Branco


Não serão postados comentários com ofensas a pessoas ou instituições, sejam elas de natureza pública ou privada. Também não serão aceitos textos ofensivos, de caráter comercial, com palavrões e termos chulos ou que façam propaganda de candidatos. Os comentários postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores.

Comentários

Deixe uma resposta

  • (não será publicado)