Trezentas doses de vacinas, sendo 150 da Tríplice Viral na prevenção do Sarampo, Caxumba e Rubéola e 150 Influeza, contra a gripe, foram disponibilizadas aos servidores da Câmara Municipal de Manaus, enquadrados no grupo de prioridade. A ação é uma parceria da Casa Legislativa, por meio do departamento de Saúde, com a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa).

A equipe da Semsa, capitaneada pela gestora da Unidade Básica de Saúde São Vicente de Paulo, do bairro São Raimundo, Raysa Santos, vacinou uma média 140 servidores com a dose da vacina Influenza, e 19 servidores tomaram a vacina contra o Sarampo, estes últimos, com a faixa etária até 49 anos, permitido para a vacinação.

Raysa Santos considerou a campanha dentro da Casa Legislativa positiva, visto que, a maioria dos servidores não disponibiliza de tempo para procurar os postos de vacinação.  “Por isso estamos vindo até os órgãos para atingirmos as metas dos grupos prioritários, além de imunizar as pessoas que realmente precisam da vacina”, disse a gestora.

A Campanha de Vacinação continua na Câmara, na próxima quarta-feira (20), apenas com a vacina da Influenza, podendo ser aberto aos grupos que não tem prioridade. O atendimento continuará sendo realizado de 9h às 12, no departamento de Saúde do Poder Legislativo, localizado no térreo.

Estão dentro do grupo prioritário as gestantes, trabalhadores da saúde, servidores com 60 anos ou mais idade, jovens até 21 anos, pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis, pessoas portadoras de outras condições clínicas especiais (doença respiratória crônica, doença cardíaca crônica, doença renal crônica, hepatite crônica, neurologia crônica, diabetes, imunossupressão, obesos, transplantados e portadores de trissomias, com a Síndrome de Down).

Informações no próprio departamento de Saúde da CMM, ou pelos telefones: 3303-2752/ 3303-2893/3303-2741.

 

Texto: Dircom/CMM

Foto: Robervaldo Rocha e Djalson Leão- Dircom/CMM


Não serão postados comentários com ofensas a pessoas ou instituições, sejam elas de natureza pública ou privada. Também não serão aceitos textos ofensivos, de caráter comercial, com palavrões e termos chulos ou que façam propaganda de candidatos. Os comentários postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores.

Comentários

Deixe uma resposta

  • (não será publicado)