Início / Comunicação / Notícias

Notícias

Vereador Dr. Daniel Vasconcelos cobra atenção do poder público para revitalização de espaços de lazer
O vereador Dr. Daniel Vasconcelos (Republicanos) usou a tribuna da Câmara Municipal de Manaus (CMM), na manhã de terça-feira (16/04), para cobrar iniciativas do Executivo Municipal voltadas para a juventude. O parlamentar levou ao plenário da Casa Legislativa a questão da falta de revitalização em espaços de lazer em comunidades da periferia. "Parece que a juventude aqui em Manaus está abandonada. A gente fica triste, se perguntando o que será que o nosso jovem da periferia tem no futuro? Será que é um tráfico de drogas? Será que é entrar para ser mais um dependente químico? Porque, infelizmente, o nosso poder público municipal está fechando os olhos para a nossa juventude”, criticou o vereador. Daniel Vasconcelos também reforçou a importância de fomentar o empreendedorismo entre os jovens por meio de startups. "Nós precisamos colocar isso em prática, porque fomentar startups, fomentar essas pequenas empresas que têm um alto potencial de crescimento tecnológico, é dar a oportunidade para milhares de jovens poderem mostrar seu talento. E na nossa cidade nós temos muitos talentos", explicou. Por fim, o vereador relembrou da Secretaria Municipal de Juventude, extinta em antigas gestões, sugerindo a recriação do órgão. "Através da secretaria teríamos esse fomento, não só da parte de emprego e renda, mas também da parte de esporte e lazer. O desporto é indispensável para ocupar esses jovens e eles poderem ter perspectivas, estarem em condições de crescimento, de ter um futuro, mas um futuro brilhante", destacou. Texto: Jonas Wesley – Assessoria de Comunicação do vereador Foto: Mauro Pereira – Dicom/CMM
Leia mais
18.04.24 13:58h
PL de Marcel Alexandre sobre instalação de placas de alerta para acesso a rios e balneários é sancionado
O Projeto de Lei (PL) de autoria do vereador Marcel Alexandre (PL), que trata sobre a instalação de placas de aviso para informar acerca da proibição de acesso às águas e da profundidade de rios e igarapés, foi sancionado pelo prefeito de Manaus, David Almeida (Avante) e publicado no Diário Oficial do Município (DOM), nessa terça-feira (16/04). A proposta foi aprovada no dia 20 de março, na Câmara Municipal de Manaus (CMM). A Lei n° 3.306 torna obrigatória, no município de Manaus, a instalação e manutenção de placas de aviso tipo poste, informando sobre a proibição de acesso às águas e a profundidade de rios, açudes, represas e igarapés; assim como a sinalização de alerta, em lugar visível e com tamanho legível, indicando a proibição de acesso; sinalização da profundidade regular da água, com indicação de distintas profundidades quando houver. De acordo com o parlamentar, o trabalho deverá contar com o apoio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas). As ações devem ser baseadas em advertências e avisos no sentido de evitar ou ter cuidado com os perigos relacionados ao lazer, trabalho ou esportes praticados na água. “Fico muito feliz que esse projeto se tornou lei em nossa cidade. Esse trabalho deverá contribuir para a redução das estatísticas de acidentes por afogamento em nossa cidade nos balneários, rios, igarapés e em demais locais. O foco está na preservação da vida”, comentou o vereador. Texto e foto: Assessoria de Comunicação do vereador
Leia mais
18.04.24 13:13h
Diego Afonso repudia o não cumprimento do TAG por concessionária de água
Durante Tribuna Popular realizada nesta quarta-feira (17/04), na Câmara Municipal de Manaus (CMM), o vereador Diego Afonso (União Brasil), falou sobre sua indignação quanto ao não cumprimento do Termo de Ajuste de Gestão (TAG), nos bairros da zona centro-oeste de Manaus. Na sessão, representantes das entidades de classe e líderes comunitários denunciaram que a concessionária não estava cumprindo o Termo e cobrando valores acima do estabelecido para a ligação. Em seu pronunciamento, o parlamentar se referiu como ato irresponsável e negligente da atual gestão municipal com a população, uma vez que o TAG, foi assinado junto a uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da “Águas de Manaus”, o qual foi o presidente. “É uma denúncia grave. Estão rasgando o TAG, que trouxe tantos benefícios para a população. Isso mostra a negligência, a irresponsabilidade e a falta de respeito com os manauaras. Iremos reunir e encaminhar todas essas denúncias à ouvidoria e à procuradoria desta Casa Legislativa para que o Termo de Ajuste volte a ser cumprido e para que possamos dar um retorno célere aos moradores da zona centro-oeste”, declarou Diego Afonso. TAG - A CPI foi realizada em 2023, resultando, dentre vários benefícios, a redução de 25% na tarifa de esgoto, isenção de tarifa para aqueles que não têm as quatro etapas do sistema, entre outros. Texto e foto: Assessoria de Comunicação do vereador 
Leia mais
17.04.24 15:18h
Tribuna Popular da 4ª Câmara Cidadã debate ações de limpeza pública, saneamento e saúde para a zona centro-oeste
Vereadores da Câmara Municipal de Manaus (CMM), líderes comunitários e representantes da sociedade civil participaram, nesta quarta-feira (17/04), da Tribuna Popular com lideranças comunitárias da zona centro-oeste da capital, no plenário Adriano Jorge. A tribuna faz parte da programação da 4ª edição da Câmara Cidadã, que ocorreu nos dias 11 e 12 de abril, no Sambódromo; e precisou ser reagendada por conta da chuva que atingiu Manaus na última sexta-feira. Assuntos como limpeza pública nos bairros, falta de saneamento básico e escassez de insumos médicos nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) foram alguns dos temas tratados durante o debate. A exemplo das três edições anteriores, nas zonas leste, sul e norte, as reivindicações são encaminhadas aos órgãos competentes em forma de indicações e requerimentos, para a execução das melhorias solicitadas. Quatro comunitários representaram a zona centro-oeste durante os pronunciamentos. Um deles foi o representante do Conselho de Cidadãos do Dom Pedro, Osnir Oliveira Gusmão, que mora na região há mais de 50 anos. Osnir expôs aos vereadores as principais necessidades na área de saneamento básico. “Os nossos esgotos estão saturados. O nosso tratamento de água foi invadido e fizeram um remendo para um conjunto paralelo ao bairro Dom Pedro. Depois de décadas, a concessionária começou a rasgar nossas ruas para interligar essa rede de esgoto que já está saturada. São mais de 10 anos assim”, comentou o representante. Para a comunitária Ydsa Carvalho, que integra o conselho de segurança comunitária do bairro Planalto, o bairro precisa de melhorias em várias áreas, especialmente da limpeza pública. “Eu estive aqui para manifestar a minha insatisfação pela administração municipal, em relação aos órgãos que deveriam atender a comunidade do Planalto. Tenho inúmeras demandas que não são atendidas. Falta de infraestrutura, saneamento e principalmente limpeza pública, essa é inexistente”, pontuou Ydsa. A idealizadora do projeto “Ciclo Solidário”, Cristiana Marinho, que atende mulheres de baixa renda, participou da tribuna popular para cobrar melhorias na saúde feminina da capital. “A tribuna popular me concedeu um espaço para trazer as demandas de várias mulheres sobre a saúde pública do município, que está um caos. Venho fazer um pedido para criação de uma Unidade Básica de Saúde (UBS) feminina em cada zona da cidade”, solicitou Cristiana. Encaminhamentos – Ao final da Tribuna Popular, a Mesa Diretora solicitou da Diretoria Legislativa o registro das demandas apresentadas pelos moradores. “Essa tribuna popular foi muito importante. Ouvimos vários representantes da zona centro-oeste e tomamos nota das reivindicações e demandas, que serão enviadas aos órgãos competentes para que tomem as providências cabíveis”, disse a vereadora Yomara Lins, que presidiu o debate. Foto: Mauro Pereira – Dicom/CMM
Leia mais
17.04.24 14:14h
Após Audiência Pública, vereador Diego Afonso pede intervenção federal para recuperação da BR-319
Após Audiência Pública que discutiu a recuperação da BR-319, realizada na terça-feira (16/04), no plenário Adriano Jorge da Câmara Municipal de Manaus (CMM), o vereador Diego Afonso (União Brasil) afirmou que encaminhará uma Carta Aberta ao presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, solicitando intervenção federal para desembaraçar os entraves que impedem a recuperação da rodovia. No documento, o parlamentar relata a situação precária e sem condições de uso no atual estado da rodovia. O problema, segundo o parlamentar, tem prejudicado os usuários, bem como o transporte dos insumos para a produção dos produtos da Zona Franca de Manaus. De acordo com Diego Afonso, entre as necessidades para recuperação da BR-310 está a retirada de atoleiros, reforma das pontes de madeira, substituição de bueiros, limpeza do meio fio e execução do recapeamento primário da rodovia, que no período das chuvas fica intransitável. “A BR-319 foi inaugurada em 1976, é a única rodovia que liga o Amazonas aos outros estados brasileiros e nunca teve uso porque não foi concluída. Por ser cercado por águas, o Amazonas é uma espécie de ‘meia ilha’ para o resto do país, e por isso clamamos pela recuperação da rodovia para que possa servir como opção de transporte dos insumos utilizados na produção dos produtos da Zona Franca de Manaus”, pontuou o vereador. Audiência - Participaram da Audiência Pública representantes do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit); do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama); Ministério do Meio Ambiente e Mudança de Clima; Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa); Federação das Indústrias do Amazonas (Fieam); Associação dos Exportadores da Zona Franca de Manaus (ACA); Federação do Comércio do Amazonas (Fecomércio); Câmara de Dirigentes Lojistas de Manaus (CDL) e demais representantes do setor produtivo.
Leia mais
17.04.24 13:42h
Vereador Elan Alencar destaca evento cultural no Centro Cultural dos Povos da Amazônia
O vereador Elan Alencar (DC) usou a tribuna na manhã dessa terça-feira (16/04) para destacar sua participação no evento cultural folclórico ocorrido no último domingo (14/04), no Centro Cultural dos Povos da Amazônia, juntamente com o prefeito de Manaus David Almeida e o deputado estadual Abdala Fraxe. O evento foi realizado pela Liga das Quadrilhas Juninas do Amazonas (Liquajuam), a Associação Folclórica Cultural Boi-Bumbá Corre Campo e a Comissão de Cultura da Assembleia Legislativa do Amazonas. “Fiquei muito feliz em ver que o segmento cultural na nossa cidade tem tomado um rumo diferente. Pois o fomento à cultura, ao esporte, à educação, faz com que nossos jovens busquem bons rumos”, relatou o vereador. Ainda de acordo com o parlamentar, a Prefeitura de Manaus vem aumentando o valor dos repasses para as agremiações das classes prata e bronze. “O retorno do festival para a antiga Bola da Suframa fez com que as danças tivessem uma potencialização de organização, elevando o nível do festival”, ressaltou Elan. Para o vereador a cultura muda e transforma a vida das pessoas e gera economia para a cidade. “Além de mudarmos a vida de muitos jovens com o fomento à cultura, esses eventos geram emprego e renda e movimentam a economia de Manaus. Diante disso, vamos solicitar ao prefeito de Manaus que para o Festival Folclórico tragam jurados de fora, como acontece em Parintins, dando assim mais lisura ao evento”, finalizou o parlamentar.   Texto: Vanessa Rocha – Assessoria de Comunicação do vereador Foto: Mauro Pereira – Dicom/CMM
Leia mais
17.04.24 10:40h